esqueci minha senha / primeiro acesso

notícias

08/06/2022

Ataque contra jornalistas em Curitiba segue sem apuração de responsabilidades

Ataque contra jornalistas em Curitiba segue sem apuração de responsabilidades

Há dois meses, os profissionais Simone Giacometti, Christopher Spuldaro e Raphael Augustus foram agredidos durante uma cobertura jornalística


Dois meses depois que os jornalistas Simone Giacometti (CBN), Christopher Spuldaro (RIC TV) e Raphael Augustus (RIC TV) foram agredidos por um homem que se identificou como advogado enquanto cobriam um protesto em frente a um prédio, em Curitiba, ainda não se tem nenhum desdobramento efetivo do caso. A situação foi denunciada à Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) Seção Paraná e também à Polícia Civil.


Ainda nesta semana o SindijorPR oficiou a OAB e a Polícia Civil para obter informações sobre os procedimentos e providências já adotados com relação ao caso. Na semana em que o Brasil celebra o Dia Nacional da Liberdade de Imprensa, o Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Paraná retoma a questão a fim de que a situação enfrentada pelos jornalistas não caia no esquecimento, eximindo os envolvidos de qualquer responsabilização.


Na ocasião, além das agressões verbais, também houve subtração e dano aos equipamentos utilizados pelos jornalistas – o que também mobilizou as empresas que contratam os profissionais. A situação teve tanta repercussão que, inclusive, chegou a ser tema de debate na Assembleia Legislativa do Paraná (Alep).


O SindijorPR espera que as instituições envolvidas nas apurações possam atuar com o rigor que a situação exige, apresentando respostas à categoria e à sociedade. Sem imprensa livre, não há democracia possível e nem tampouco respeito ao direito à informação.

Autor:SindijorPR