esqueci minha senha / primeiro acesso

notícias

18/01/2022

Jornalistas da Gazeta do Povo e Tribuna aprovam acordo de jornada de trabalho e de banco de horas

Em assembleia conjunta realizada nesta terça-feira (18/01), jornalistas da Gazeta do Povo e da Tribuna do Paraná aprovaram, por maioria de votos, proposta de acordo que estabelece regras para a jornada de trabalho, composição do banco de horas, plantões e folgas compensatórias. O acordo terá validade por dois anos, de 1º de fevereiro de 2022 a 31 de janeiro de 2024.

Pela proposta aprovada, os jornalistas e as jornalistas das duas empresas trabalharão cinco dias na semana, em vez de seis, conforme permite a legislação. Em contrapartida, terão jornada de seis horas diárias de segunda a sexta-feira, em vez de cinco horas diárias, de segunda a sábado. Horas referentes a plantões aos sábados, domingos e feriados serão registradas em banco de horas para posterior compensação com dias de descanso.

Os jornalistas e as jornalistas presentes também aprovaram a formação de uma comissão de empregados das duas empresas e representantes do SindijorPR para analisar a situação do banco de horas, jornada de trabalho e dias de descanso dos editores, que não estão contemplados no acordo destinado especificamente aos profissionais com controle de jornada.

Em decorrência da pandemia de Covid-19 e em atenção às orientações e recomendações do Ministério Público do Trabalho (MPT) e da Organização Mundial da Saúde (OMS), a reunião foi realizada online por meio da plataforma eletrônica Google Meet, seguindo as disposições estatutárias da entidade sindical e conforme edital de convocação publicado em 12/01/2022.

Autor:SindijorPR