esqueci minha senha / primeiro acesso

notícias

16/09/2020

Repórter cinematográfico é agredido enquanto registrava acidente em Toledo


O repórter cinematográfico da Catve, Sérgio Bogoni, foi agredido enquanto registrava imagens de um acidente de trânsito na manhã desta quarta-feira (16), no bairro Panorama, em Toledo. O Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Paraná (SindijorPR) e a Federação Nacional dos Jornalistas (Fenaj) lamentam que, mais uma vez, um profissional tenha sido atacado enquanto exercia seu trabalho no Estado – uma atividade reconhecidamente essencial e que vem sendo desenvolvida mesmo em um contexto de pandemia.

O profissional não sofreu ferimentos, mas teve o telefone celular que usava na gravação jogado ao chão. A Polícia Militar advertiu o autor da agressão - filho de um dos motoristas envolvidos - que acabou pedindo desculpas ao trabalhador. Bogoni, que há dois anos teve um equipamento quebrado em outra agressão e até hoje não foi ressarcido, diz que casos de intimidação vêm se tornando frequentes. “As pessoas precisam ter mais paciência com os profissionais da imprensa. Não me intimidei e fiz meu trabalho, mas é um absurdo que essas coisas aconteçam”, manifesta.

O presidente do SindijorPR, Gustavo Henrique Vidal, lembra que o exercício da atividade jornalística é previsto na Constituição Federal e é de extrema importância para toda a sociedade. “Não adianta pedir desculpas depois de cometer um ato como este. Nós trabalhamos a serviço da sociedade e queremos respeito e segurança para fazer nosso trabalho com dignidade”, considera.
Fonte:SindijorPR