esqueci minha senha / primeiro acesso

notícias

18/05/2016

#PraNãoPassarEmBranco

#PraNãoPassarEmBranco
Foto: Gustavo Vidal
Dirigentes do Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Paraná (SindijorPR) visitaram, nos dias 17 e 18 deste mês, diversas redações de Curitiba para falar sobre a campanha salarial deste ano. Na primeira mesa de negociação, os patrões fizeram uma proposta para lá de absurda: 0% de reajuste. Lembrando que o Índice Nacional de Preço ao Consumidor (INPC) nacional foi de 9,83% e em Curitiba foi de 10,08%.


Nesta quinta-feira (19), haverá uma segunda mesa de negociação, a partir das 13h30, na sede do SindijorPR. O Sindicato está convocando a categoria para vir participar da reunião, como forma de pressionar os patrões a apresentar uma oferta minimamente decente para que possa haver uma negociação.


Para o diretor executivo do SindijorPR, Pedro Carrano, as visitas nos locais de trabalho tiveram um efeito positivo nos jornalistas. “Os colegas foram bem receptivos com a nossa presença. Mostramos para eles que não há uma vantagem sequer em querer congelar o piso. Acredito que eles devem abraçar esta causa, que é de interesse de todos”, avalia.


A diretora de cultura do SindijorPR, Silvia Valim, faz um chamado para que os colegas venham até o Sindicato para participar de uma manifestação. “Somente unidos teremos força para impedir que os donos dos veículos de comunicação continuem a nos tratar desta maneira. Quem puder vir, venha com a camiseta que o Sindicato distribuiu ou use uma peça de roupa branca, pois o mote da campanha é ‘pra não passar em branco’. Peço ainda para usar essa hashtag nas redes sociais para mostrar a nossa luta, com uma foto individual ou coletiva”, informa.


Durante todo dia, e não apenas no momento do ato, a ideia é divulgar a manifestação dos jornalistas com foto e as hashtags #pranãopassarembranco e #lutajornalista.

Autor:Flávio Augusto Laginski Fonte:SindijorPR